Marcos Abrão apoia reivindicação de classificados no concurso da PM

2017-09-25-PHOTO-00000003

O deputado federal Marcos Abrão (PPS) se reuniu nesta segunda-feira, 25, na Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento (Segplan), com o Secretário Joaquim Mesquita, e com representantes da comissão dos candidatos classificados no concurso da Polícia Militar de Goiás, Wallisson Rodrigues, Danilo Dias e André de Paiva, para discutir a situação do concurso da PM que está em andamento no estado. O parlamentar foi procurado pela comissão para acompanhar a situação do concurso, que prevê o preenchimento de 2.500 vagas, para Goiânia e municípios do interior.

“Atendi ao convite da comissão para acompanhá-los nessa reunião porque entendo a necessidade de reforçar o efetivo da nossa polícia, e essa não é uma demanda apenas dos candidatos ao concurso, mas uma demanda da sociedade. Garantir o preenchimento das vagas oferecidas nesse certame representará um importante ganho para toda a população goiana”, argumentou Marcos Abrão.

A Comissão dos Classificados no concurso da PMGO representa 1557 candidatos que foram classificados nas provas objetivas e subjetivas do concurso, mas ainda não foram convocados para as etapas seguintes previstas no edital do certame, como o teste de aptidão física (TAF).

Em resposta,  o secretário Joaquim Mesquita destacou que o edital prevê 2.500 vagas e que a intenção é que todas elas sejam preenchidas ao fim de todas as etapas eliminatórias e classificatórias previstas no edital do concurso. “O concurso tem prazos e etapas que precisam ser respeitados. Mas, ao final, todas as vagas previstas serão preenchidas”, finalizou o titular da Segplan.

Proposta que amplia reserva de casas para pessoas com deficiência avança na Câmara

Foto-Marcos Abrão

O projeto de lei 07194/2017, que reserva 10% das casas e unidades habitacionais de programas de moradia para pessoas com deficiência, recebeu nesta semana parecer favorável da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados. A iniciativa foi apresentada pelo deputado federal Marcos Abrão (PPS-GO).

Segundo o parlamentar “garantir o direito à moradia é uma questão essencial na inserção da pessoa com deficiência na sociedade. Nós precisamos reconhecer os limites, as dificuldades do outro e criar políticas públicas que venham ao encontro dessas necessidades”, afirmou.

A matéria altera a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (13.146/2015) e amplia a reserva atual de 3% para 10% das casas populares e unidades habitacionais de todos os programas que sejam construídos ou subsidiados com recursos públicos.

A relatora da proposta na CDU, deputada Mara Gabrili (PSDB-SP), destacou que “o projeto aumenta o nível de prioridade da pessoa com deficiência em programas habitacionais, garantindo um tratamento mais adequado e respeitando o direito à moradia”.

Marcos Abrão destina R$250 mil para Abadia de Goiás

FullSizeRender

O deputado federal Marcos Abrão (PPS) destinou emenda parlamentar, no valor de R$250 mil, para a aquisição de equipamentos para a Unidade Básica de Saúde Gorgônio Alves Fortes, inaugurada nesta segunda-feira, 18, em Abadia de Goiás. Durante a inauguração da UBS, o prefeito Romes Gomes (PSDB) agradeceu ao deputado e ressaltou que os recursos destinados por ele “foram fundamentais para que essa obra tão importante pudesse ser entregue à população”.

Em seu discurso, Marcos Abrão elogiou a gestão municipal, ressaltou a importância do investimento em saúde pública de qualidade e destacou o trabalho que desenvolve por Abadia de Goiás desde a época em que presidia a Goiás Industrial.

“É muito bom ver uma obra tão importante para a população e saber que contribuí para que ela se concretizasse. Na Goiás Industrial, tive a oportunidade de trazer galpões industriais, para gerar emprego e renda para Abadia. Na Agehab, fiz tudo o que estava ao meu alcance para beneficiar o município e, agora, como deputado, estou tendo novamente a oportunidade de contribuir com essa emenda, utilizada na compra dos equipamentos para a UBS”, frisou o parlamentar, lembrando que a senadora Lúcia Vânia (PSB) também destinou R$300 mil para a saúde do município.

Marcos Abrão visita cidades do Vale do São Patrício

Deputado apresenta prestação de contas à população de Santa Terezinha

O deputado federal Marcos Abrão (PPS) visitou nesta semana as cidades de Uruana, Ceres, Rialma, Rubiataba, Ipiranga de Goiás, Campos Verdes, Santa Terezinha e Crixás para prestar contas de seu mandato na Câmara dos Deputados. “É com diálogo e transparência que nós vamos construir uma política diferente. Eu venho trazer à população, que me deu a oportunidade do mandato e que paga o meu salário, uma prestação de contas da minha atuação como deputado federal”, afirmou.

A senadora Lúcia Vânia (PSB) esteve ao lado do parlamentar nas visitas e ressaltou a importância da iniciativa. “Nós estamos vendo a cada dia mais e mais escândalos envolvendo a classe política. E muitas vezes a população passa a acreditar que todos os políticos são iguais, que todos são corruptos. Por isso nós estamos falando do nosso trabalho”, disse a senadora.

O vice prefeito da cidade de Ceres, Marco Antonio, pontuou que “a determinação dos parlamentares, de conversar com a população, de explicar como é o trabalho em Brasília e como eles estão ajudando os municípios goianos é fundamental. O povo precisa saber a forma com que cada um dos seus representantes trabalha”.

 

BR 153

 

Marcos Abrão destacou sua atuação pela duplicação da BR 153. “Eu promovi audiência pública na Câmara para cobrar respostas da empresa responsável e dos órgãos públicos, suscitando um debate que estava esquecido. Mobilizei a população, me reuni com representantes do TCU e com o ministro dos transportes, discuti o problema e no mês passado foi decretada a caducidade do contrato com a Galvão Engenharia”, pontuou o parlamentar.

Segundo o deputado esse é um passo importante “porque agora o DNIT já pode iniciar as obras mais emergenciais e uma nova concessão está sendo preparada para que outra empresa possa cuidar da duplicação. Nós vamos fazer essa grande demanda do norte goiano sair do campo das promessas”, afirmou.

 

Minha Casa Minha Vida

 

O parlamentar falou também sobre a luta pela retomada das obras do Programa Minha Casa Minha Vida – Sub 50, que está paralisado, deixando milhares de construções inacabadas em todo o país.

“Eu acabei de defender e votar a MP 759 na Câmara, que vai permitir que o governo federal conclua essas obras, garantindo o direito à moradia de quem mais precisa. Essas obras paralisadas tiram a esperança de quem sonha com a casa própria e é um desperdício de recursos públicos”, disse.

 

Voto pela investigação

 

Marcos Abrão votou a favor da denúncia oferecida pelo Ministério Público contra Michel Temer no último mês. O parlamentar explicou que “o voto não pressupõe a condenação do presidente, apenas autoriza a investigação. São denúncias graves e os brasileiros têm direito a uma explicação. Nós não podemos mais ter dúvidas sobre a conduta dos nossos governantes”, defendeu o deputado.

Quirinópolis agradece emenda de Marcos Abrão

Moradores de Quirinópolis em reunião com Marcos Abrão

Em visita à sede do diretório estadual do Partido Popular Socialista (PPS) nesta sexta-feira (25), moradores de Quirinópolis agradeceram o apoio do deputado federal Marcos Abrão ao município. O parlamentar destinou uma emenda de R$ 500 mil para a construção de uma praça na cidade. “Será um espaço amplo de convivência, sociabilidade e integração, construído para a comunidade e com influência direta na qualidade de vida dos moradores do bairro Flamboyant”, disse Marcos Abrão.

A vereadora Yvis Geisa destacou a atuação do deputado em prol do  município. “É um parceiro de Quirinópolis e nós sabemos que podemos contar com ele. O Marcos Abrão é municipalista, sabe da dificuldade que enfrentamos na nossa cidade e nos ajuda sempre que precisamos. Essa praça vai fazer a diferença no bairro e na vida de muita gente”, afirmou a vereadora.

Marcos Abrão recebeu os visitantes, conversou com os moradores e lideranças de Quirinópolis e discutiu novos projetos que serão levados ao município. “A atividade parlamentar precisa estar conectada com as demandas das cidades. O município é a esfera de poder mais próxima dos problemas que a população enfrenta, das necessidades das pessoas. Por isso eu faço questão de ouvir e apoiar as solicitações que são trazidas por essas lideranças”, disse o deputado.

Marcos Abrão cobra agilidade em obras da BR 153

Foto-Marcos Abrão

Deputado federal e presidente do PPS em Goiás, Marcos Abrão criticou nesta quinta-feira (17) as condições das rodovias federais que cortam o estado e cobrou agilidade no novo processo de licitação da BR 153. “É grave e triste viver em um país onde se realizaram Olímpiadas e Copa do Mundo e não se tem condições das pessoas exercerem seu direito de ir e vir com segurança em nossas rodovias. A situação da BR 153 precisa ser resolvida em caráter emergencial”, afirmou o deputado.

Nesta semana o Ministério dos Transportes oficializou o rompimento do contrato com a Galvão Engenharia, que era a empresa responsável pelo trecho goiano da rodovia. O decreto de caducidade foi publicado no Diário Oficial da União em decisão inédita motivada pela pressão de parlamentares goianos. “É um passo importante, mas continuarei acompanhando a situação da 153 porque há uma série de reparos que precisam ser feitos e nós não podemos esperar mais”, disse o deputado.

O Ministro dos Transportes, Maurício Quintella, anunciou que irá liberar 52 milhões de reais antes do novo processo de licitação para as obras mais urgentes na rodovia, a pedido da senadora Lúcia Vânia (PSB).  Marcos Abrão tem promovido audiências públicas e participado de discussões para mobilizar autoridades e pedir melhorias para as rodovias.

Na semana passada, o parlamentar cobrou benfeitorias na BR-040,  no trecho entre Valparaíso de Goiás e Luziânia. “Tenho participado de todas as discussões que envolvem a situação das estradas que cortam o nosso estado, por entender que esse é um tema importante para o desenvolvimento de Goiás e para a segurança da população”, destacou.

“Romaria do Muquém é uma grande manifestação de fé”, diz Marcos Abrão

2017-08-17-PHOTO-00000049

O deputado federal Marcos Abrão (PPS) participou, nesta terça-feira, 15, da missa solene em louvor a Nossa Senhora D´Abadia, na tradicional Romaria do Muquém, em Niquelândia. Acompanhado pela senadora Lúcia Vânia (PSB) e pelo prefeito de Niquelândia, Valdeto Ferreira (PSB), o deputado destacou a importância da festa, que acaba de completar 269 anos.

“Participo dessa festa há anos. A Romaria do Muquém atrai gente não só de Goiás, mas de todo o Brasil. Muita gente vem aqui para pagar promessas, buscar curas, agradecer. Essa é uma festa muito bonita, uma verdadeira manifestação de fé”, declarou o deputado.

A senadora Lúcia Vânia, que também vai ao Muquém todo ano, enfatizou que o número de fiéis tem aumentado com o passar do tempo, o que colabora para que a tradição da festa seja mantida e se fortaleça cada vez mais.

“O povo goiano guarda uma religiosidade muito grande. A Romaria de Nossa Senhora D’Abadia de Muquém é tradição em Goiás. Participo dessa festa há muitos anos, mesmo antes de ter mandato, e ela faz parte da história de milhares de famílias do nosso estado”, ressaltou Lúcia Vânia.

O prefeito de Niquelândia, Valdeto Ferreira (PSB), recepcionou a senadora e o deputado Marcos Abrão na chegada ao município e os acompanhou também durante a celebração no Santuário, que foi comandada pelo bispo da Diocese de Uruaçu, Dom Messias Reis.

Anfitrião da festa, Valdeto agradeceu os parlamentares pela presença, e pelo apoio que ambos têm dado à gestão municipal. O deputado destinou emendas à saúde do município e a senadora é grande parceira do prefeito que é também do seu partido, o PSB.

“O Valdeto está se esforçando para colocar a casa em ordem. Ele pegou a prefeitura com dificuldades e a gente está ajudando a viabilizar os recursos para que a gestão dele possa deslanchar e corresponder às expectativas da população de Niquelândia. Ele já foi prefeito antes e foi muito bem avaliado, e tenho certeza de que dessa vez não será diferente”, enfatizou Lúcia Vânia.

“Distritão mantém tudo como está”, afirma Marcos Abrão

Deputado defende reforma política

Em entrevista à Rádio Mil FM nesta segunda feira (14), o deputado federal Marcos Abrão (PPS) criticou a utilização do Distritão para a escolha de deputados e vereadores. “O Distritão só irá favorecer os candidatos mais conhecidos e com mais dinheiro, o que piora os índices de renovação na política. O sistema fortalece projetos individuais, não diminui os custos das campanhas, mantém tudo como está. Nós estaremos apenas fazendo mais uma eleição majoritária”, disse o parlamentar.

O Distritão transforma cada estado ou município em um distrito eleitoral e saem vencedores os candidatos mais votados. Essa alteração foi aprovada na comissão da Câmara dos Deputados que analisa a reforma política. “Na minha visão não é o ideal. A política precisa ser um espaço para quem tem vocação, para quem quer servir e não para quem tem dinheiro, não como um negócio”, defendeu o deputado.

No entanto, o presidente do PPS em Goiás defende que o país empreenda uma reforma política. “O atual sistema político brasileiro está falido. Um levantamento do Instituto Ipsos divulgado neste fim de semana mostrou que 94% das pessoas não se sentem representadas pelo Congresso Nacional, isso é muito grave. Nós já discutimos uma série de reformas, mas a mais urgente de todas é a reforma política. A sociedade espera essa mudança”, afirmou.

“Não dá mais para convivermos com essa quantidade enorme de partidos e com minorias sem nenhuma representatividade, com fundo partidário, com campanhas políticas que custam milhões de reais. As pessoas não toleram mais o sistema político que temos hoje”, pontuou Marcos Abrão.

Marcos Abrão discute em audiência pública situação da BR-040

IMG_0491

O deputado federal Marcos Abrão (PPS) participou nesta quinta-feira, 10, de audiência pública realizada na Comissão de Viação e Transporte, da Câmara dos Deputados, para discutir a situação da BR-040, no que se refere à iluminação pública e outras benfeitorias, no trecho entre Valparaíso de Goiás e Luziânia. A audiência foi proposta pelo deputado federal Roberto Balestra (PP), que também presidiu a sessão.

“Tenho participado de todas as discussões que envolvem a situação das rodovias que cortam o nosso estado, por entender que esse é um tema importante, para o desenvolvimento de Goiás e para a segurança da população que trafega por nossas estradas”, destacou Marcos Abrão, que é membro titular da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara Federal.

Durante a audiência pública, o parlamentar destacou os problemas dos contratos que, segundo ele, são comuns em concessões de obras das rodovias brasileiras. “É recorrente a gente tratar desse tipo de assunto, como na BR-070, na BR-153, e nas artérias federais que passam no nosso estado de Goiás. Pior ainda é a tendência desses problemas se agravarem, uma vez que as pessoas naturalmente buscam morar nos aglomerados urbanos maiores, o que aumenta o fluxo de pessoas perto dessas rodovias e a possibilidade de acidentes”, ressaltou Marcos Abrão.

Como forma de resolver essa situação, que é recorrente nas rodovias brasileiras, o parlamentar se dispôs a sugerir ao Ministério dos Transportes que faça uma revisão nos projetos futuros de concessões das obras em rodovias, “para termos menos problemas e preservar vidas”.

Marcos Abrão quer trazer oficina do Ministério da Cultura a Goiânia

IMG_0425

O deputado federal Marcos Abrão (PPS) quer que o Ministério da Cultura promova em Goiânia uma oficina para orientar candidatos a se inscreverem no prêmio Culturas Populares Leandro Gomes de Barros, que vai contemplar 500 iniciativas em todo o país que fortaleçam as expressões culturais populares brasileiras. Em audiência realizada nesta terça-feira, 8, com o ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, e a senadora Lúcia Vânia (PSB), o parlamentar destacou a riqueza da cultura goiana e pediu ao ministro que realize uma oficina na capital.

“O Ministério da Cultura tem promovido oficinas em todo o país. E, nada mais justo do que realizar uma oficina aqui em Goiás também. Temos uma cultura rica e nossos artistas têm grandes chances de serem contemplados com essa premiação, no valor de R$10 mil, desde que tomem conhecimento da sua existência e das regras de inscrição”, argumenta Marcos Abrão.

Sobre o Prêmio

Segundo informações divulgadas pelo Ministério da Cultura, este é o primeiro edital de cultura popular lançado pelo MinC desde 2012 e o maior em número de premiações. Os candidatos poderão se inscrever para participar do edital até 28 de agosto, on-line ou por via postal.

Entre os critérios avaliados para obter a premiação estão: contribuição sociocultural que o projeto proporcionou às comunidades; melhoria da qualidade de vida das comunidades a partir de suas práticas culturais; e impacto social e contribuição para a preservação da memória e para a manutenção das atividades dos grupos, entre outros.

Das 500 premiações, 200 serão destinadas a pessoas físicas, outras 200 a coletivos culturais sem constituição jurídica, 80 a pessoas jurídicas sem fins lucrativos e com natureza ou finalidade cultural e 20 a herdeiros de mestres já falecidos (In Memorian), em homenagem à dedicação do trabalho voltado aos saberes e fazeres populares e às expressões culturais, com reconhecimento da comunidade onde viveram e atuaram.